quinta-feira, 1 de setembro de 2022

Câmara aprova urgência para exigir acompanhante em sedação de mulheres

 


A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (31), um requerimento de urgência para votar o Projeto de Lei (PL) 2049/2022. O PL torna obrigatório a presença de acompanhante na realização de procedimentos médicos que usem anestesia ou sedação em pacientes mulheres. Ainda não existe previsão de data para votar a matéria.

A proposta foi motivada após o caso do médico anestesista Giovanni Quintella Bezerra, que estuprou uma paciente que estava dopada e passava por um parto cesárea, em um hospital no Rio de Janeiro. Bezerra foi preso em flagrante no dia 11/7, por estupro de vulnerável.

O projeto de relatoria do deputado federal Alex Manente (Cidadania-SP) foi mencionado pela deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC). Na avaliação da parlamentar, a proposta pode “evitar barbáries”, como o caso no Rio de Janeiro.

“O outro requerimento de urgência foi do projeto de lei do nobre Deputado Alex Manente, que é líder do meu partido, do Cidadania, que obriga, quando uma mulher passar pelo procedimento de sedação, o acompanhamento de um profissional da enfermagem ou outro profissional da área da saúde do sexo feminino, para evitarmos aquela barbárie que vimos durante aquele procedimento da cesariana, que lamentavelmente chocou a todos nós”, disse Zanotto.

Nenhum comentário:

ebs serviços

ebs serviços
aluguel de maquinas

MAX FERRO

MAX FERRO
SANTA CRUZ E SANTA FILOMENA

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLINICAS LABCENTER

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLINICAS LABCENTER
.