segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

BB anuncia reestruturação que prevê fechar 361 unidades e programa de demissão voluntária

 


O Banco do Brasil aprovou um amplo conjunto de medidas que diminuem sua estrutura organizacional. Serão fechadas 361 unidades, sendo 112 agências, 7 escritórios e 242 postos de atendimento.
 
As medidas foram anunciadas nesta segunda-feira (11) ao mercado. Segundo o banco, 243 agências serão transformadas em postos de atendimentos e outros 8 postos serão transformados em agências. O banco também vai transformar 145 unidades de negócios em lojas, sem guichês de caixa (em um modelo voltado à assessoria e relacionamento).
 
Também será feito o compartilhamento de 85 unidades de negócios, e criadas 28 unidades de negócios - sendo 14 agências especializadas em agronegócio e 14 escritórios especializados no atendimento a clientes com maturidade digital- com aproveitamento de espaços existentes.
 
"A reorganização da rede de atendimento objetiva a sua adequação ao novo perfil e comportamento dos clientes e compreende, além das medidas de otimização de estrutura, outros movimentos de revisão e redimensionamento nas diretorias, áreas de apoio e rede, privilegiando a especialização do atendimento e a ampliação da oferta de soluções digitais", afirma o banco em comunicado distribuído ao mercado.
 
A economia líquida anual estimada com despesas administrativas gerada por essas medidas é de R$ 353 milhões em 2021 e R$ 2,7 bilhões até 2025.

Foram aprovadas ainda, duas modalidades de desligamento incentivado voluntário aos funcionários: o Programa de Adequação de Quadros (PAQ), para otimizar a distribuição da força de trabalho, e o Programa de Desligamento Extraordinário (PDE), disponível a todos os funcionários do BB que atenderem aos pré-requisitos.
 
A estimativa do BB é que cerca de 5 mil funcionários venham a aderir aos dois programas de desligamento. O número final de adesões, assim como o respectivo impacto financeiro, serão informados ao mercado após o encerramento dos períodos de adesão que ocorrerá até 5 de fevereiro.




Esse marcador é muito utilizado para avaliar a capacidade de armazenamento do ferro, inflamação, neoplasia ou em caso de hemocromatose. No caso de hemocrotose, uma doença hereditária caracterizada pela absorção excessiva do ferro pelas células intestinais, levando a sobrecarga de ferro predominantemente no fígado, mas também em outros sítios como pâncreas, coração, articulações e glândulas endócrinas, causando danos irreversíveis aos mesmos. Nesses casos é necessário fazer sangria (retirada do sangue).

Quando a ferritina encontra-se no valor acima de 100-150mg/dl pode ser associado com processo inflamatório como no caso da obesidade e quando está abaixo disso sinal que o organismo pode estar armazenando pouco ferro. Mantenha seus exames em dia!

Nenhum comentário:

..

..
.

ebs serviços

ebs serviços
aluguel de maquinas

MAX FERRO

MAX FERRO
SANTA CRUZ E SANTA FILOMENA

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLINICAS LABCENTER

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLINICAS LABCENTER
.