segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

Os assassinos da natureza


Este é um País tropical, abençoado por Zeus e bonito por natureza. Nosso céu tem mais estrelas, os assassinos dos rios e das florestas são mais gentis. Eis o mote da cantoria do Profeta Adalbertovsky do alto das montanhas da Jaqueira. “Aqui não existem vulcões, nem terremotos, nem tsunamis. A mineradora Vale do finado Rio Doce exporta montanhas de ferro e fabrica crateras em Minas Gerias. Um carcará me contou que a Vale é a maior fabricante de lama e de crateras do mundo, aliás, é a segunda maior mineradora do planeta.
“Oh vulcões de Brumadinho e de Mariana! Oh finados Rio Doce e Rio Paraopeba! Oh terremotos nas montanhas de ferro de Minas Gerais! Os peixinhos de água doce do finado Rio Doce morreram antes de nascer. As flores foram assassinadas antes de florescer. As matas ciliares, as corvinas, preás, beija-flores, as piabas, tatus, lagartixas, borboletas, todos esses irmãos da fauna e da flora estão crucificados no dilúvio de sangue e de lama das Gerais.
Em 2015 aconteceu a tragédia de Mariana, agora em 2019 o dilúvio de Brumadinho, daqui a 4 ou cinco anos, infelizmente... Novas tragédias são anunciadas e concretizadas. O assassinato dos rios e montanhas e a fabricação de crateras irão atrair as pragas da ecologia, como se fossem as pragas do Egito decretadas pelos faraós. Os rios e as montanhas do Brazil estão sendo esfaqueados e assassinados pelos faraós das mineradoras. São os assassinos da natureza”. A cantoria do Profeta Adalbertovsky está publicada no Menu Opinião. Metam os peitos!

Nenhum comentário:

ebs serviços

ebs serviços
aluguel de maquinas

MAX FERRO

MAX FERRO
SANTA CRUZ E SANTA FILOMENA

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLINICAS LABCENTER

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLINICAS LABCENTER
.

.

.
,