quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Poder e fúria

 






De  Marisa Gibson, hoje na sua coluna DIARIO POLÍTICO 
Ter um partido pra chamar de seu com direito a administrar os recursos do Fundo Partidário e tempo de televisão não é pouca coisa. É poder. Não é à toa, portanto, que o presidente do PR em Pernambuco, Sebastião Oliveira, secretário estadual de Transportes e deputado federal licenciado, reagiu com tanta veemência a investidas de que o seu partido estaria sendo  alvo e das quais ele diz ter pleno conhecimento.

Nesta semana, foi divulgada a informação de que Fernando Filho (sem partido), ministro de Minas e Energia, estaria se filiando ao PR, via executiva nacional. O ministro não quis se manifestar alegando não ser procedente a informação.


Mas o estrago já estava feito, até porque o senador Fernando Bezerra Coelho, pai de Fernando, enfrenta um processo desgastante no PMDB, que envolve o controle do partido em Pernambuco. Talvez por isso, Sebastião tenha colocado tanta lenha na fogueira. Ele destacou a total autonomia dada pela Executiva Nacional para decidir os destinos do PR em 2018 e não vai abrir mão dessa prerrogativa. Salientando que, sob o seu comando, o PR foi a segunda sigla que mais elegeu prefeitos no Estado em 2016, Sebastião foi direto ao ponto.

“Tenho ciência da importância do PR em relação ao tempo que lhe pertence na tevê e ao seu prestígio no cenário político brasileiro”. Por fim, garantiu: “Ninguém se filiará ao PR de Pernambuco para disputar as eleições do próximo ano que não seja por meio do abono do presidente estadual do PR.”
Vamos aguardar.

Nenhum comentário:

DONKEY

DONKEY
A Marca do Jequinho

max ferro

max ferro
,

Aspectho Calçados

Aspectho Calçados
.

ebs serviços

ebs serviços
aluguel de maquinas

MEU OLHAR VALE MAIS DO QUE MIL PALAVRAS

MEU OLHAR VALE MAIS DO QUE MIL PALAVRAS
87 9965 4353