sábado, 30 de setembro de 2017

Pe. Paulo Sérgio parabeniza o 26º Aniversário de Santa Cruz



Em volta de uma cruz, nasce uma comunidade de fé, a Vila de Santa Cruz, e não é de se admirar que a cidade de Santa Cruz tenha nascido no dia 1º de outubro dia de Santa Terezinha do menino Jesus. Parece que o clamor dos pobres subiu e chegou aos ouvidos de Deus.



Foi no ano de 1991, que o povo santa-cruzense une corações e vozes num só grito, de alegria e esperança, pois naquele dia nasceu uma nova conquista para um povo humilde e sofredor, a emoção era uma só, gente sorrindo e chorando tamanha era a felicidade, se confraternizando, vibrando e comemorando, nascia ali a independência da pequena Santa Cruz.




É por isso que hoje, em nome desse povo simples e humilde, queremos expressar aqui os nossos sinceros votos:



Parabéns! Santa Cruz! Pelos seus 26 anos de emancipação política. Parabéns a todos e a todas santa-cruzenses natos e de coração. Que nesta data comemorativa possamos também aproveitar e fazermos uma reflexão sobre a história atual, devemos nos questionar: Que independências Santa Cruz ainda precisa conquistar? Nós realmente descobrimos a nossa verdadeira identidade de povo santa-cruzense? Será que somos um povo democrático? E nossos direitos de cidadãos estão sendo respeitados por aqueles que estão nos representando nos poderes executivo e legislativo? E nós enquanto cidadãos como estamos agindo e reagindo diante de tudo isso?



Construímos a independência de Santa Cruz a cada dia com o compromisso de lutar por dignidade e respeito, juntos. Precisamos superar o modelo manipulador e oferecer novas perspectivas de construção de um modelo político pautado no diálogo, no protagonismo cidadão, na participação popular, tendo em vista que o povo é construtor de sua história e que não é apenas os políticos que devem delegar leis e ações sem consultar as necessidades da população e do meio ambiente, é preciso pensar no legado que se deve deixar para as seguintes gerações.



Assim como a população santa-cruzense deu as mãos, se alegrou, vibrou com sua independência, que nunca esqueça que a construção dessa independência deve acontecer em um diálogo permanente e construtivo com as forças vivas da sociedade, com homens e mulheres, jovens, estudantes, trabalhadores, religiosos, artistas que constroem no dia a dia a liberdade, com dignidade humana e compromisso nos seus setores de atuação. Nesse sentido a pessoa humana não é um ser passivo, mas um agente ativo de mudança.



Precisamos de um novo jeito de ser e fazer, pautados por valores e princípios éticos, interesse público, transparência e participação cidadã. Que possamos comemorar muitos outros anos de vida da querida Santa Cruz da Venerada, há uma frase que diz: “Quem ama cuida”, precisamos externar esse amor, nas ações e no cuidado para com essa terra, essa gente.



Mensagem do Pe. Paulo Sérgio e Teão Marinho.

Rep. Paulo Benjeri

Nenhum comentário:

max ferro

max ferro
,

ebs serviços

ebs serviços
aluguel de maquinas

MEU OLHAR VALE MAIS DO QUE MIL PALAVRAS

MEU OLHAR VALE MAIS DO QUE MIL PALAVRAS
87 9965 4353