parceiros

lucas

lucas
.

blogs

domingo, 13 de novembro de 2016

PF já investiga Lula até por reforma de piscina



Às vésperas da homologação da delação premiada da Odebrecht, que atinge nomes como Michel Temer, por ter pedido R$ 11 milhões no Jaburu, e José Serra, por ter recebido da empreiteira R$ 23 milhões na Suíça, a Polícia Federal abre uma nova frente de investigações sobre o ex-presidente Lula para saber se ele beneficiou a construtora em troca de uma reforma na piscina do Palácio do Alvorada; é isso o que informa a manchete principal da Folha deste domingo; "Se as novas suspeitas forem confirmadas, seria uma evidência de que o ex-presidente recebeu favores também no exercício do mandato", diz o texto; percepção de que Lula vem sendo perseguido enquanto outros são poupados fortalece o petista nas pesquisas sobre sucessão presidencial, segundo o sociólogo Marcos Coimbra, do Vox Populi.

Às vésperas da homologação da delação premiada da Odebrecht, que atinge nomes como Michel Temer, por ter pedido R$ 11 milhões no Jaburu, e José Serra, por ter recebido da empreiteira R$ 23 milhões na Suíça, a Polícia Federal abre uma nova frente de investigações sobre o ex-presidente Lula para saber se ele beneficiou a construtora em troca de uma reforma na piscina do Palácio do Alvorada.
 
É isso o que informa a manchete principal da Folha deste domingo (leia aqui). "A Polícia Federal investiga suspeitas de que a Odebrecht fez uma reforma na piscina do Palácio da Alvorada durante o segundo mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sem ter contrato com o governo e sem que a obra tivesse registro público", diz o texto. "Se as novas suspeitas forem confirmadas, seria uma evidência de que o ex-presidente recebeu favores também no exercício do mandato, quando os negócios das empreiteiras receberam impulso do governo no Brasil e no exterior."

A percepção de que Lula vem sendo perseguido enquanto outros são poupados fortalece o petista nas pesquisas sobre sucessão presidencial, segundo o sociólogo Marcos Coimbra, do Vox Populi.

Em sua mais recente pesquisa, realizada de 9 a 13 de outubro, Lula despontou isolado com 34% das preferências. Um dos motivos para explicar esse cenário, de acordo com o sociólogo, "é a crescente percepção de seletividade na campanha que contra ele movem partes do Judiciário, do Ministério Público e da grande imprensa". Apenas 43% concordaram que os procuradores que acusaram Lula "são justos e tratam todos os políticos da mesma maneira". E 41% avaliam que "eles sempre atacam Lula e os petistas, mas não fazem nada contra os políticos do PSDB e do governo Temer".

Nenhum comentário:

max ferro

max ferro
,

ebs serviços

ebs serviços
aluguel de maquinas

MEU OLHAR VALE MAIS DO QUE MIL PALAVRAS

MEU OLHAR VALE MAIS DO QUE MIL PALAVRAS
87 9965 4353